Sobre

História


No dia 25 de Agosto de 1999, nasceu os Boinas Pretas Moto Clube.

A Associação Boinas Pretas MC iniciou suas atividades, tendo como principal idealizador e fundador, o nosso atual Presidente Falcão, que está sempre buscando o melhor para está Associação.

A Sede Mundial está localizada na Cidade de Presidente Venceslau – SP

A Associação BPMC possui associados em diversos Estados Brasileiros assim como no exterior.

“UNIDOS SOMOS MAIS FORTES, SOMOS BOINAS PRETAS”

Finalidade
A Associação Boinas Pretas Moto clube terá como finalidade buscar a fraternidade entre motociclistas em geral, promover viagens entre seus associados, reuniões e eventos ligados ao motociclismo, no Brasil e no Exterior, empreender atividades destinadas à filantropia, de ajuda as pessoas carentes.

A Associação deve, sempre que possível, participar das entidades associativas, regionais, estaduais e nacionais, lutando por um motociclismo sério, responsável e fraterno. Sempre que possível, veicular as regras históricas dos Moto Clubes e fazer valer o respeito que eles merecem na sociedade e demais motociclistas.

A interação com outros Moto clubes deve ser um ideal a ser perseguido por todos, pois assim serão estabelecidos fóruns de discussões e ajuda para a mais variada gama de situações, notadamente a coincidência de eventos, campanhas assistenciais a entidades filantrópicas e afins.

Valores Morais e Princípios
Para a conquista dos objetivos que busca essa Associação, adotamos os seguintes valores morais: o Companheirismo, a Iniciativa, a Fraternidade, o Respeito, a Ética e a Disciplina.

Os princípios desta Organização são: a Legalidade, a Impessoalidade, a Moralidade, a Publicidade, a Economicidade e a Eficiência.

Origem do Nome
O nome foi escolhido por representar as Forças Especiais de elite, que são admirados e respeitados pela força e coragem de seus integrantes em todo o mundo.

O uso da Boina Preta na história como peça de fardamento não é tão recente, pois a primeira força militar a usar uma boina foi 1889.

No Exército Brasileiro os Boinas Pretas são tropas de Comandos e infantes motomecanizados, que operam veículos blindados como o 10º B Log e o saudoso 4ª BIB , já nas Polícias Militares os Boinas Pretas compõem tropas de Operações Especiais urbanas tais como o BOPE e a ROTA.

Com tanta história desses nobres guerreiros não há como não escolher o nome Boinas Pretas para representar o Moto Clube formado com esses mesmos ideais de Honra, Coragem e Espírito de Corpo.

A Boina Preta
Os escoceses e bascos estão na origem das boinas militares, embora o “tam-o’-shanter” (o chapéu ajustável, de tecido macio, usado pelos escoceses), para alguns autores, não seja considerada uma boina, já a “basca” não oferece dúvidas. Os Caçadores Alpinos franceses foram, em 1889, a primeira força militar a usar uma boina, de cor azul escura. Durante a Primeira Guerra Mundial, a boina não conheceu grande expansão. Durante a Segunda Guerra Mundial, elas tinham cores diferentes, para diferenciar os militares que as usavam. A boina militar dos Caçadores das Ardenas era verde, as tripulações dos carros de combate alemães usavam uma preta, os Caçadores Alpinos franceses mantinham o azul escuro e, os voluntários espanhóis da Divisão Azul usavam uma boina vermelha.

As duas pequenas faixas pretas que estão atrás da boina significam “Luto Constante”.

Uma faixa dedicada aos que já morreram e a outra é para os ainda vão morrer no cumprimento da missão em salvar e proteger os fracos e oprimidos e pela honra de seu país.

Não serão permitidas ou toleradas brincadeiras com a boina, visto que a mesma representa tal importância como o brasão.

Reconhecimento
O Boinas Pretas M.C. foi alvo de uma matéria de 06 páginas da Edição do 3º Aniversário da Revista MOTO ADVENTURE nº 37, de Dez de 2003, inaugurando a seção Point M.C., seção especializada em motoclubes, contando um pouco da nossa história e fazendo um passeio pelo centro de São Paulo, demonstrando o respeito, a integridade e a confiabilidade que este importante órgão de imprensa tem em homenagear-nos.

Em 2011 um importante órgão de imprensa internacional relacionou o Boinas Pretas M.C. como o 8º moto clube mais lembrado e repeitado do mundo.

O Presidente do Boinas Pretas M.C. recebeu, em 2012, na Câmara de São Caetano do Sul, uma Comenda pelas ações e auxílio em campanhas social e assistencial promovidas pelo clube.

Em 2014 um jornal de Bataguassú/MS publica o empenho dos motociclistas Boinas Pretas na campanha do agasalho promovida pela Prefeitura Municipal.

Dentre outros…

Brasão do Boinas Pretas Moto Clube Inscrições e significado
No campo direito em vermelho com sombra negra que simboliza a garra, a grandeza e o espírito de luta dos guerreiros, trazendo também o nome do grupo.

Os 10 mandamentos dos

Boinas Pretas

1) CONSIDERAR, PELA ORDEM DE IMPORTÂNCIA, FAMÍLIA, TRABALHO, LAZER = BOINAS PRETAS.

Na irmandade dos Boina Pretas, cada um de seus integrantes deve ter em conta, em 1º lugar: a Família, em 2º lugar: o Trabalho e, em 3º lugar: o Lazer, o que inclui o próprio moto clube.

2) DIVULGAR O NOME, REUNIR-SE PARA ESTAREM SEMPRE JUNTOS.

Cabe a todos os integrantes mostrar interesse, divulgar o nome da instituição e reunir-se com os demais para confraternizar em festas e eventos, sempre em prol de um motociclismo consciente.

3) CONDUTAS DEVEM SER DIGNAS DE RESPEITO, ÉTICA E RESPONSABILIDADE.

Aos integrantes cabem uma conduta social e disciplinar dignas de respeito, ética, responsabilidade, lealdade, companheirismo, firmeza de atitude, senso de irmandade, disciplina, hierarquia e força de vontade entre os membros da instituição e para com terceiros.

4) NÃO PERMITIR BRINCADEIRAS COM A BOINA.

A boina preta faz parte do uniforme masculino e é item obrigatório em reuniões, eventos e onde haja integrantes de outro moto clube. Não serão permitidas ou toleradas brincadeiras com a boina visto que a mesma possui importância equivalente à importância do brasão.

5) RESPONSABILIDADE PELAS INDICAÇÕES DE NOVOS MEMBROS.

Cabe ao integrante que apresentar um novo membro conhecer bem a pessoa, sabendo bem quais as intenções para com o grupo e seus antecedentes, já que o ambiente de moto clube é familiar e há necessidade de zelar pelas famílias (esposas e filhos) dos integrantes. O integrante apresentante deve ter ciência que as atitudes desse novo membro podem refletir no nome do moto clube e, assim, o moto clube poderá considerá-lo co-responsável pelas atitudes deste novo membro ingressante.

6) NINGUÉM DO MOTO CLUBE SERÁ DEIXADO PARA TRÁS.

Nenhum membro do moto clube será deixado para trás, à própria sorte, em festas, encontros ou eventos, devendo os membros se retirar do local, preferencialmente juntos, visando à segurança ou integridade física e patrimonial de cada um. O integrante que necessitar se ausentar deverá informar o Boina Preta mais graduado presente.

7) É DEVER DE TODOS A SEGURANÇA DOS INTEGRANTES.

É dever de todos os integrantes policiar-se, bem como aos outros integrantes, zelando pela sua segurança e pela segurança dos demais. O integrante do moto clube que não estiver em condições físicas, deverá ser objeto de atenção especial por parte dos outros integrantes, até que restabeleça seus reflexos motores para a devida condução da motocicleta. As mulheres e o Presidente do moto clube, não devem nunca estar sozinhos em encontros e eventos, onde a segurança deve ser redobrada.

8) NÃO PROMOVER ATOS DESONROSOS E VEXATÓRIOS.

O integrante que promover atos desonrosos e vexatórios á integridade do moto clube e ao bom nome da instituição deverá ser punido, servindo de exemplo para que outros integrantes não incorram no mesmo erro.

9) O COLETE E A BOINA SÃO PESSOAIS E INTRANFERÍVEIS.

Cada integrante deve zelar e respeitar o uniforme composto pelo colete e pela boina. O uniforme é pessoal e intransferível, não podendo ser doado, emprestado, trocado ou vendido em hipótese alguma.

10) CONDUZIR A MOTOCICLETA COM SEGURANÇA, RESPEITO E DISCIPLINA.

Pilotando individualmente ou em comboio, os integrantes devem zelar pela ordem e pela disciplina, pilotando sempre em acordo com as normas de segurança, as leis de trânsito, o bom senso e as premissas da direção defensiva, principalmente se estiver ostentando o brasão do moto clube. Sua atitude deverá servir de referência para os outros motociclistas urbanos ou estradeiros.